• Cards Payment & Identification is part of the Informa Markets Division of Informa PLC

    This site is operated by a business or businesses owned by Informa PLC and all copyright resides with them. Informa PLC's registered office is 5 Howick Place, London SW1P 1WG. Registered in England and Wales. Number 8860726.

Tendências

Entenda como os hábitos dos consumidores vão definir o desenvolvimento e oferta dos seus serviços

A velocidade da revolução digital pode não estar dando chance para o grande público perceber o quanto suas vidas são afetadas pela tecnologia. O mobile payment (m-payment) faz parte do cotidiano de qualquer pessoa que tenha acesso a um smartphone de forma tão natural quanto pesquisar o preço de um produto em sites de busca.

Previsões do IEEE (Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos) apontam que o papel-moeda deverá ser substituído completamente pelo m-payment até 2030. De acordo com Luis Veiga, diretor da CARDS, “a possibilidade das transações financeiras em tempo real pelos usuários dos meios de pagamento eletrônicos exige das instituições o constante investimento em inovação e infraestrutura para acompanhar a demanda provocada pelas facilidades tecnológicas”. “Inúmeros aplicativos demandam novas ofertas de serviços; plataformas de pagamento; integração entre plataformas diferentes de crédito, débito e Private Label; oferta de Digital Wallets. Por exemplo, a biometria como garantia de segurança para o consumidor.”

Outro exemplo de um futuro que já se faz presente são os dispositivos de pagamento “vestíveis” (wearables), como o relógio. Certamente, a questão “segurança” não pode ficar para trás nesse contexto. Deve caminhar lado a lado, pois quanto mais alternativas de facilidades para os clientes, mais opções se abrem aos fraudadores. Questões como essa serão debatidas no Congresso, no V Seminário Nacional de Certificação Digital, no Fórum e-Commerce e no Fórum Varejo, durante a CARDS. “Um dos principais objetivos do evento é reunir instituições financeiras, fintechs, empresas de tecnologia e varejo para que cheguem à conclusões, desafios, oportunidades e caminhos positivos para suas empresas, seus clientes e a sociedade”, completa Veiga.

As facilidades, por sua vez, tornam o cliente mais exigente. Os hábitos de consumir e pagar continuam em evolução. O fenômeno das fintechs também é um fator de interferência nos meios tradicionais das finanças, o que colabora para a transformação dos costumes. “A experiência do usuário, portanto, é hoje ponto vital para o sucesso dos negócios”, destaca Veiga. Outra proposta da CARDS é a compreensão do perfil dos clientes de instituições financeiras, varejo, fintechs e afins por meio da análise de dados colhidos a cada passo da interação. Afinal, computação cognitiva e Internet das Coisas – conceitos tão comentados no momento – têm como objetivo facilitar a vida de todos e proporcionar maior rentabilidade aos negócios.

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *